Quebra de confiança e fraude

Além de grandes incentivos comerciais, incluindo renda isenta de impostos, a localização central dos Emirados Árabes Unidos (EAU) e a proximidade com os principais mercados globais o tornam um destino atraente para o comércio global. O clima quente do país e a economia em expansão o tornam atraente para imigrantes, especialmente trabalhadores expatriados. Essencialmente, os Emirados Árabes Unidos são uma terra de oportunidades.

No entanto, a singularidade dos Emirados Árabes Unidos como um local de grandes oportunidades de negócios e excelentes padrões de vida atraiu não apenas pessoas trabalhadoras de todo o mundo, mas também criminosos também. De funcionários desonestos a parceiros de negócios, fornecedores e associados desonestos, a quebra de confiança tornou-se um crime comum nos Emirados Árabes Unidos.

O que é uma Quebra de Confiança?

A fraude e o crime de quebra de confiança são crimes nos Emirados Árabes Unidos ao abrigo da Lei Federal n.º 3 de 1987 e suas alterações (o Código Penal). De acordo com o artigo 404 do Código Penal dos Emirados Árabes Unidos, a violação da lei de confiança envolve crimes de desvio de bens móveis, incluindo dinheiro.

Geralmente, uma violação criminosa de confiança envolve uma situação em que uma pessoa colocada em uma posição de confiança e responsabilidade se aproveita de sua posição para desviar a propriedade de seu principal. Em um ambiente de negócios, o perpetrador geralmente é um funcionário, um parceiro de negócios ou um fornecedor/fornecedor. Ao mesmo tempo, a vítima (o principal) geralmente é um empresário, um empregador ou um parceiro de negócios.

As leis federais dos Emirados Árabes Unidos permitem que qualquer pessoa, incluindo empregadores e parceiros de joint venture que sejam vítimas de peculato por seus funcionários ou parceiros de negócios, processe os infratores em um caso criminal. Além disso, a lei permite-lhes recuperar a indemnização do culpado através da instauração de um processo num tribunal civil.

Requisitos para uma quebra de confiança em um processo criminal

Embora a lei permita que as pessoas processem outras por crimes de quebra de confiança, um caso de quebra de confiança deve atender a alguns requisitos ou condições, elementos do crime de quebra de confiança: incluindo:

  1. Uma quebra de confiança só pode ocorrer se o desfalque envolver uma propriedade móvel, incluindo dinheiro, documentos e instrumentos financeiros, como ações ou títulos.
  2. Uma quebra de confiança ocorre quando o acusado não tem direito legal sobre a propriedade que é acusado de desviar ou apropriar-se indevidamente. Essencialmente, o ofensor não tinha autoridade legal para agir da maneira que agiu.
  3. Ao contrário de roubo e fraude, uma quebra de confiança exige que a vítima incorra em danos.
  4. Para que ocorra a quebra de confiança, o acusado deve ter a posse do imóvel em uma das seguintes formas: como arrendamento, fideicomisso, hipoteca ou procuração.
  5. Em uma relação de acionistas, um acionista que proíbe outros acionistas de exercerem seus direitos legais sobre suas ações e toma essas ações em seu benefício pode ser processado por quebra de confiança.

Punição por quebra de confiança nos Emirados Árabes Unidos

Para impedir as pessoas de cometer crimes de quebra de confiança, a lei federal dos Emirados Árabes Unidos criminaliza a quebra de confiança nos termos do artigo 404 do Código Penal. Assim, a quebra de confiança é um crime de contravenção, e qualquer pessoa considerada culpada está sujeita a:

  • Uma sentença de prisão (confinamento), ou
  • Uma multa

No entanto, o tribunal tem o poder discricionário para determinar a duração do confinamento ou o valor da multa, mas de acordo com as disposições do Código Penal. Embora os tribunais tenham liberdade para aplicar qualquer penalidade dependendo da gravidade do delito, o artigo 71 do Código Penal Federal nº 3 de 1987 estipula uma multa máxima de AED 30,000 e uma pena máxima de prisão não superior a três anos.

Em alguns casos, os indivíduos podem ser Falsamente acusado nos Emirados Árabes Unidos de crimes de abuso de confiança ou de peculato. Ter um advogado de defesa criminal experiente é essencial para proteger os seus direitos caso enfrente alegações potencialmente falsas.

Lei de violação da confiança dos Emirados Árabes Unidos: mudanças tecnológicas

Semelhante a outras áreas, a nova tecnologia mudou a forma como os Emirados Árabes Unidos processam alguns casos de quebra de confiança. Por exemplo, em situações em que o infrator usou um computador ou dispositivo eletrônico para cometer o crime, o tribunal pode processá-lo de acordo com a Lei de Crimes Cibernéticos dos Emirados Árabes Unidos (Lei Federal nº 5 de 2012).

Os crimes de quebra de confiança sob a Lei de Crimes Cibernéticos acarretam uma penalidade mais severa do que aqueles processados ​​apenas sob as disposições do Código Penal. Crimes sujeitos à Lei de Crimes Cibernéticos incluem aqueles que envolvem:

  • Forjar um documento utilizando meios eletrônicos/tecnológicos, incluindo tipos de falsificação como falsificação digital (manipulação de arquivos ou registros digitais). 
  • Intencional usar de documento eletrônico falsificado
  • Utilizar meios eletrônicos/tecnológicos para obter propriedade ilegalmente
  • Ilegal Acesso a contas bancárias através de meios eletrónicos/tecnológicos
  • Não autorizado acesso a sistema eletrônico/tecnológico, principalmente no trabalho

Um cenário comum de quebra de confiança por meio de tecnologia nos Emirados Árabes Unidos inclui o acesso não autorizado a dados contábeis ou bancários de uma pessoa ou organização para transferir dinheiro de forma fraudulenta ou roubá-los.

A quebra de confiança nos negócios nos Emirados Árabes Unidos pode ocorrer de várias maneiras, incluindo:

Apropriação indevida de fundos: Isso ocorre quando um indivíduo usa o dinheiro da empresa para uso pessoal sem as aprovações necessárias ou justificativas legais.

Uso Indevido de Informações Confidenciais: isso pode ocorrer quando uma pessoa compartilha informações comerciais proprietárias ou confidenciais com indivíduos ou concorrentes não autorizados.

Descumprimento de Deveres Fiduciários: isso acontece quando um indivíduo deixa de agir no melhor interesse da empresa ou das partes interessadas, muitas vezes para ganho ou benefício pessoal.

Fraude: uma pessoa pode cometer fraude fornecendo informações falsas ou enganando intencionalmente a empresa, muitas vezes para se beneficiar financeiramente.

Não Divulgação de Conflitos de Interesse: Se um indivíduo estiver em uma situação em que seus interesses pessoais entrem em conflito com os interesses da empresa, espera-se que ele divulgue isso. Não fazer isso é uma quebra de confiança.

Delegação Inadequada de Responsabilidades: Confiar a alguém responsabilidades e tarefas que ele não é capaz de administrar também pode ser considerado uma quebra de confiança, principalmente se resultar em perda financeira ou prejuízo ao negócio.

Falha em manter registros precisos: se alguém permite conscientemente que a empresa mantenha registros imprecisos, isso é uma quebra de confiança, pois pode levar a questões legais, perdas financeiras e danos à reputação.

Negligência: Isso pode ocorrer quando um indivíduo deixa de desempenhar suas funções com o cuidado que uma pessoa razoável usaria em circunstâncias semelhantes. Isso pode causar danos às operações, finanças ou reputação da empresa.

Decisões não autorizadas: Tomar decisões sem a aprovação ou autoridade necessárias também pode ser considerado uma quebra de confiança, especialmente se essas decisões levarem a consequências negativas para o negócio.

Aproveitar oportunidades de negócios para ganho pessoal: isso envolve aproveitar as oportunidades de negócios para benefício pessoal, em vez de repassar essas oportunidades para a empresa.

Esses são apenas alguns exemplos, mas qualquer ação que viole a confiança depositada em um indivíduo por uma empresa pode ser considerada uma quebra de confiança.

Violação de ofensas de confiança comuns nos Emirados Árabes Unidos

Os Emirados Árabes Unidos são uma terra de oportunidades para muitas pessoas, incluindo criminosos. Embora a posição única do país torne comuns os crimes de quebra de confiança, o Código Penal dos Emirados Árabes Unidos e várias outras disposições das Leis Federais têm sido eficazes para lidar com esses crimes. No entanto, como vítima ou mesmo um suposto infrator em um caso de quebra de confiança, você precisa de um advogado de defesa criminal qualificado para ajudá-lo a navegar no processo legal muitas vezes complexo.

Contrate um consultor jurídico experiente e profissional em Dubai

Se você suspeitar que ocorreu uma quebra de confiança, é melhor procurar o conselho de um advogado criminal nos Emirados Árabes Unidos. Somos um dos principais escritórios de advocacia criminal nos Emirados Árabes Unidos que lida com violação criminal da lei de confiança.

Quando você contrata nosso escritório de advocacia para representá-lo em um caso de quebra de confiança, garantiremos que o tribunal ouça seu caso e que seus direitos sejam protegidos. Nosso advogado de violação de confiança em Dubai, Emirados Árabes Unidos, fornecerá toda a ajuda de que você precisa. Entendemos a importância do seu caso para você e fazemos o possível para defender seus direitos e interesses.

Oferecemos consultas jurídicas em nosso escritório de advocacia nos Emirados Árabes Unidos, para chamadas urgentes +971506531334 +971558018669

Voltar ao Topo